TÉCNICO EM SEGURANÇA DO TRABALHO

Informações

Unidade: UOP - GURUPI
Início do curso: 25/11/2013
Encerramento do curso: 16/10/2014
Horário: 19h as 22h
Frequência: segunda a sexta
Carga horária: 1535 horas
PRONATEC: Não
PSG: Não
Valor: R$ 6.000,00
Valor parcelado: R$ 250,00 em 24 parcelas Horário de matrículas: das 8h00 às 18h00

Requisitos

Unidade: Para ingresso no Curso Técnico em Segurança do Trabalho, Eixo Tecnológico Segurança o candidato deverá ter concluído ou estar cursando o último ano do Ensino Médio e ter idade mínima de 17 anos. O candidato deverá, também, apresentar cópia dos seguintes documentos: Requerimento de Matrícula (fornecido pela Unidade Escolar); Cédula de Identidade (cópia); Registro civil - Certidão de Nascimento ou de Casamento (cópia); Documento que comprove a escolaridade mínima exigida (duas vias, original e cópia); Documento de quitação com o Serviço Militar, para o sexo masculino entre 18 e 45 anos (apresentação); Título de Eleitor, com voto na última eleição, para maiores de 18 anos (apresentação); Comprovante de conclusão dos módulos I e/ou II, conforme o caso, para continuidade do curso. Inscrições: As inscrições para o referido curso técnico serão efetuadas em datas determinadas pelas Unidades de Ensino, respeitando os requisitos de acesso. Seleção: Fica a critério das Unidades de Ensino realizar processo seletivo quando a demanda assim o justificar, nele podendo ser incluída avaliação de conhecimentos e habilidades básicas requeridas pelo perfil profissional, necessários à continuidade da fundamentação científica e instrumental para a educação profissional, objetivando assim o refinamento do perfil de entrada do aluno. Matrícula: As matrículas serão efetivadas de acordo com o cronograma estabelecido pelas Unidades de Ensino e nos termos regimentais: No ato da matrícula, o aluno deverá, quando for o caso, requerer aproveitamento de competências; Os alunos deverão ser claramente informados e ter pleno conhecimento da nova base de ensino e aprendizagem, com ênfase no desenvolvimento de competências, em função do perfil profissional que objetivam alcançar. Observação: Para emissão de diploma de Técnico em Segurança do Trabalho o aluno deverá apresentar a certificação de conclusão do Ensino Médio.

Perfil Profissional

O Técnico em Segurança do Trabalho é o profissional que atua em empresas privadas e públicas, em órgãos públicos da administração direta e indireta e dos poderes legislativos e judiciários que possuem empregados regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho - CLT, como integrante dos Serviços Especializados em Segurança e Medicina do Trabalho - SESMT. Este profissional, portanto, atua em ações prevencionistas nos processos de trabalho, tendo como base os métodos e técnicas para identificar, avaliar e medir os riscos ambientais de higiene e saúde do trabalhador, orientando-o sobre o uso de EPI e EPC, coleta e organização de informações de saúde e de segurança no trabalho, como também, investiga, analisa os acidentes ocorridos e recomenda medidas de prevenção.

Atribuições do Profissional Técnico em Segurança do Trabalho:

A Lei Federal nº 7.410/85 e o Decreto nº 92.530/86, ao regulamentar a profissão de Técnico em Segurança do Trabalho, asseguraram que o Ministério do Trabalho definiria suas atividades ocupacionais. Pela Portaria Ministerial nº 3.275/89, o Ministério definiu que esse profissional terá as seguintes atribuições, que fazem parte do seu perfil profissional:

Analisar os métodos e os processos de trabalho e identificar os fatores de risco de acidentes do trabalho, doenças profissionais e do trabalho e a presença de agentes ambientais agressivos ao trabalhador, propondo sua eliminação ou seu controle;

Informar o empregador, através de parecer técnico, sobre os riscos existentes nos ambientes de trabalho, bem como orientá-lo sobre as medidas de eliminação e neutralização;

Informar os trabalhadores sobre os riscos da sua atividade, bem como as medidas de eliminação e neutralização;

Orientar os trabalhadores e os empregados sobre as atividades insalubres, perigosas e penosas existentes na empresa, seus riscos específicos, bem como as medidas e alternativas de eliminação ou neutralização dos mesmos;

Avaliar as condições ambientais de trabalho e emitir parecer técnico que subsidie o planejamento e a organização do trabalho de forma segura para o trabalhador;

Executar os procedimentos de segurança e higiene do trabalho e avaliar os resultados alcançados, adequando-os às estratégias utilizadas de maneira a integrar o processo prevencionista em uma planificação, beneficiando o trabalhador;

Executar as atividades ligadas à segurança e higiene do trabalho utilizando métodos e técnicas científicas, observando dispositivos legais e instrucionais que objetivem a eliminação, controle ou redução permanente dos riscos de acidentes de trabalho e a melhoria das condições do ambiente, para preservar a integridade física e mental dos trabalhadores;

Executar programas de prevenção de acidentes do trabalho, doenças profissionais e dos ambientes de trabalho com a participação dos trabalhadores, acompanhando e avaliando seus resultados, bem como sugerindo constante atualização dos mesmos e estabelecendo procedimentos a serem seguidos;

Promover debates, encontros, campanhas, seminários, palestras, reuniões, treinamentos e utilizar outros recursos de ordem didática e pedagógica com o objetivo de divulgar normas de segurança e higiene do trabalho, assuntos técnicos, administrativos e previdenciários, visando evitar acidentes do trabalho, doenças profissionais e do trabalho;

Executar as normas de segurança referentes a projetos de construção, ampliação, reforma, arranjos físicos e de fluxos, com vistas à observância das medidas de segurança e higiene do trabalho, inclusive por terceiros;

Levantar e estudar os dados estatísticos de acidentes do trabalho, doenças profissionais e do trabalho, calcular a freqüência e a gravidade destes para ajustes das ações prevencionistas, normas, regulamentos e outros dispositivos de ordem técnica, que permitam a proteção coletiva e individual;

Encaminhar aos setores e áreas competentes normas, regulamentos, documentação, dados estatísticos, resultados de análises e avaliações, materiais de apoio técnico, educacional e outros de divulgação para conhecimento e auto-desenvolvimento do trabalhador;

Indicar, solicitar e inspecionar equipamentos de proteção contra incêndio, recursos audiovisuais e didáticos e outros materiais considerados indispensáveis de acordo com a legislação vigente, dentro das qualidades e especificações técnicas recomendadas, avaliando seu desempenho;

Cooperar com as atividades do meio ambiente, orientando quanto ao tratamento e destinação dos resíduos industriais, incentivando e conscientizando o trabalhador da sua importância para a qualidade de vida;

Orientar as atividades desenvolvidas por empresas contratadas, quanto aos procedimentos de segurança e higiene do trabalho previsto na legislação ou constantes de prestação de serviço;

Articular-se e colaborar com os setores responsáveis pelos recursos humanos, fornecendo-lhes resultados de levantamentos técnicos de riscos das áreas e atividades para subsidiar a adoção de medidas de prevenção em nível de pessoal.

Articular-se e colaborar com os órgãos e entidades ligados à prevenção de acidentes do trabalho, doenças profissionais e do trabalho;

Participar de seminários, treinamentos, congressos e cursos visando o intercâmbio o aperfeiçoamento profissional.

Esse profissional deverá estar preparado para a tomada de decisões, planejamento, concepção e produção de projetos, reconhecendo e aplicando os princípios de segurança necessários à preservação da vida e conservação dos ambientes de trabalho, valorizando a criatividade e a flexibilidade ante o inusitado. Deverá manter-se investido da política da igualdade, possibilitando o reconhecimento e valorização do bem comum, das ações democráticas, da ética da identidade, proporcionando o conhecimento e o respeito que se reflete nos atos cotidianos, seja no exercício profissional ou em qualquer outra atividade social.

Competências do Núcleo Politécnico do Eixo: Segurança (bases científicas comuns):

Identificar os determinantes e condicionantes do processo saúde-doença;

Identificar a estrutura e organização do sistema de saúde vigente;

Identificar funções e responsabilidades dos membros da equipe de trabalho;

Organizar o trabalho na perspectiva do atendimento integral e de qualidade;

Realizar trabalho em equipe, correlacionando conhecimentos de várias disciplinas ou ciências, tendo em vista o caráter interdisciplinar da área;

Aplicar normas de biossegurança;

Aplicar princípios e normas de higiene e saúde pessoal e ambiental;

Aplicar legislação referente aos direitos do usuário;

Aplicar princípios e normas de conservação de recursos não renováveis e de preservação do meio ambiente;

Aplicar princípios ergonômicos na realização do trabalho;

Aplicar normas do exercício profissional e princípios éticos que regem a sua conduta;

Avaliar rotinas, protocolos de trabalho, instalações e equipamentos;

Operar equipamentos próprios do campo de atuação, zelando pela sua manutenção;

Registrar ocorrências e serviços prestados de acordo com exigências do campo de atuação;

Prestar informações ao empregador e a outros profissionais sobre os serviços que tenham sido prestados;

Orientar funcionários a assumirem, com autonomia, a própria saúde;

Coletar e organizar dados relativos ao campo de atuação;

Utilizar recursos e ferramentas de informática específicos da área;

Realizar primeiros socorros em situações de emergência.

Competências Específicas do Profissional Técnico em Segurança do Trabalho:

Para atender às necessidades inerentes a sua função, este profissional deverá, ao concluir seu curso, ter desenvolvido competências específicas da habilitação profissional, que lhe dê condições para:

Implantar e implementar políticas de gestão de segurança e saúde no Trabalho agindo com dinamismo e atuando como educador em busca da excelência;

Adotar critérios de prevenção e proteção dos trabalhadores contra os riscos na execução de suas tarefas diárias, implantando preceitos, valores e crenças no esforço de integrar a segurança, a qualidade, o meio ambiente, a produção e o controle dos custos das empresas;

Utilizar novas tecnologias apoiadas em comunicação eficaz;

Promover atitudes conscientes e motivadoras para o trabalho salubre;

Elaborar instruções, analisar condições de trabalho, elaborar normas e planejar ações ligadas aos riscos dos locais de trabalho com reforço para um comportamento adequado;

Implementar ações preventivas e corretivas na realização auditorias;

Adotar medidas para a redução das perdas humanas, das perdas por danos à propriedade, meio ambiente e o processo produtivo, evitando doenças profissionais, acidentes do trabalho, afastamento por invalidez, morte por acidente de trabalho, além de possibilitar o uso de recursos e de programas de segurança, dinâmicos e integrais;

Investigar e analisar acidentes de trabalho, recomendando medidas de prevenção e controle.

Documentos para Matrícula

As matrículas podem ser feitas pessoalmente, direto na Central de Atendimento da Unidade que oferece o curso.

 

CURSOS PAGOS
- CPF
- RG
- Comprovante de residência
- Documentação original

 

PRONATEC

As inscrições podem ser realizadas diretamente no site do Pronatec:

http://pronatec.mec.gov.br/inscricao


Maiores de 18 anos: (originais e cópias)
- RG
- CPF
- Comprovante de endereço,
- Número de Conta Bancária em nome do aluno no Banco do Brasil ou Caixa Econômica Federal.
 
Menores de 18 anos: (originais e cópias)
- RG
- CPF
- Comprovante de endereço,
- Número de Conta Bancária em nome do aluno no Banco do Brasil ou Caixa Econômica Federal.
- Documentos dos responsáveis: RG e CPF (originais e cópias). Neste caso o responsável deverá assinar os documentos exigidos para a matrícula.
CURSOS PSG - PROGRAMA SENAC DE GRATUIDADE
Capacitação*

- CPF
- RG
- Comprovante de residência

 

Aperfeiçoamentos*

- CPF
- RG
- Comprovante de residência
- Certificado de conclusão ou diploma, conforme exigido no requisito de acesso do curso (Consultar Edital).

 

* OBS.: Candidatos menores de 18 anos deverão comparecer acompanhados por um responsável legal, munido de cópia de CPF e RG.

 

Quero mais informações

  • Selecione o Assunto:
  • Nome:
  • E-mail:
  • Telefone:
  • Cidade/Estado:
  • Mensagem:
  •  
Pesquisa

Encontre seu Curso